Ok
Notícias
Legalização do aborto faria homens coagirem mulheres a abortar, diz jurista

A presidente da Associação de Direito de Família e das Sucessões (ADFAS), Regina Beatriz Tavares da Silva, alerta para a vulnerabilidade feminina, caso o aborto seja mesmo legalizado.

Segundo a advogada, manter a legislação como está é uma questão de proteção à própria mulher. “A nossa legislação é protetiva, a começar pela Constituição Federal, que não gera qualquer margem de dúvida a respeito da proteção da vida desde a concepção”, disse.

A doutora em direito pela USP acredita que, quando a lei não distingue, não cabe ao interprete distinguir. “Esse é um princípio básico da intepretação das normas jurídicas”, alega.

Além disso, ela lembra que STF não tem competência legislativa e muito menos competência de alteração constitucional. “Eu tenho a expectativa de que o STF não exacerbe a sua competência ao modificar leis quando não pode fazê-lo”, afirmou.

Garantia de direito à vida

“O direito à vida é indiscutivelmente o mais importante porque só a partir da vida outros direitos podem ser exercidos”, defendeu. Segundo a jurista, é por isso que no Brasil não existe pena de morte e a vida do ser humano é protegida de muitas formas.

As manifestações a favor do aborto, para ela, não é uma tendência cultural, mas a tendência de apenas um movimento, que se diz feminista.

“Feminismo é um movimento de proteção à mulher, inclusive do ser humano do gênero feminino que está por nascer, que gera igualdade e não privilégios. O feminismo é protetivo, mas o que se defendeu junto ao STF foi a autorização a matar um ser humano em gestação”, protestou.

Manifestações “feministas”

“Isso não é feminismo. Isso não é proteção […] A maior parte dos brasileiros não aceita o aborto, a não ser nas condições excepcionais já previstas no Código Penal”, lembrou.

Para Regina, essas exceções estão corretas. “Uma mulher que foi estuprada não pode ser obrigada a levar a gestação adiante. Assim como, entre a vida da mulher e a do ser humano em gestação, prevalece a vida da mulher”, cita.

 

Está gostando desse conteúdo?

Cadastre seu email no campo abaixo para ser o primeiro a receber novas atualizações do site.

Fique atualizado! Cadastre para receber livros, CDs e revistas promocionais.

Legalização do aborto aumentaria o número de casos

“Menciono esses casos não baseada em estatísticas, que não são confiáveis, mas em razão da minha própria advocacia. Trato de conflitos em relações familiares o tempo todo. Vejo isso no dia a dia”, defende.

A jurista acredita que uma mulher gestante é vulnerável e fica fragilizada mesmo quando tem todo o suporte possível. “Quem dirá uma mulher sofrendo pressão para abortar. E se tiver liberado, claro, é muito mais fácil”, pondera.

A advogada lembra que a argumentação de quem coage ficaria facilitada, mas que ninguém fala das consequências. “Não conheço uma mulher sequer que tenha realizado um aborto e não leve para o resto da vida a culpa de ter feito isso”, expõe.

Outras opções a curto e médio prazo

A doutora explica que o aborto não é solução, mas que existem outras opções consideráveis. “A curto prazo, uso de preservativos: camisinha, o mais barato – é de graça, não apenas no carnaval”, disse.

Além disso, ela defende os métodos contraceptivos que não sejam abortivos. “Porque a pílula do dia seguinte é obviamente abortiva. A médio prazo, tem a educação. Educar as meninas e meninos desde novos, ensinando-lhes que não devem ter relações sexuais prematuramente”, opina.

Ela também defende as políticas públicas que, além de divulgar melhor o acesso ao preservativo e questões relacionadas a doenças sexualmente transmissíveis, podem investir na educação sexual no sentido positivo.

“Inclusive para os homossexuais, jogando no lixo a ideologia de gênero, que não se confunde com a homossexualidade. Ideologia de gênero é querer que todas as crianças passem a sofrer de disforia de gênero, que é uma doença”, conclui. Com informações Sempre Família

Fonte: https://noticias.gospelprime.com.br/legalizacao-aborto-homens-coagirem-mulheres-abortar/


Qual sua opinião sobre esta noticia?
Deixe seu Comentário abaixo:
(*)Campos obrigatórios, e-mail e telefone não serão publicados)
Notícias de Líderes
Missionário David Miranda
Pastor Gilmar Santos
Pastor Aluizio Silva
Apóstolo Estevam Hernandes
Pastor Elson de Assis
Pastor Lucinho
Pastora Helena Tannure
Pastor Adeildo Costa
Pastor Cesino Bernardino
Pastora Sarah Sheeva
Pastor Oseias Gomes
Pastor Adão Santos
Bispa Cléo Ribeiro Rossafa
Pastor Yossef Akiva
Bispa Lucia Rodovalho
Bispa Sonia Hernandes
Pastor Reuel Bernardino
Pastor Jorge Linhares
Pastor Samuel Camara
Apóstolo Valdemiro Santiago
Pastora Bianca Toledo
Pastor Josué Gonçalves
Apóstolo Agenor Duque
Bispa Ingrid Duque
Apóstolo César Augusto
Pastor Carvalho Junior
Pastor Reuel Pereira Feitosa
Pastor Samuel Mariano
Pastor José Wellington Bezerra da Costa
Pastor Claudio Duarte
Pastora Joyce Meyer
Missionário RR Soares
Pastor Gilvan Rodrigues
Pastor Márcio Valadão
Pastor Julio Ribeiro
Pastor Billy Graham
Pastor Silas Malafaia
Pastor Abílio Santana
Pastor Benny Hinn
Pastor Hidekazu Takayama
Bispo Rodovalho
Pastor Paulo Marcelo
Pastor Marco Feliciano
Pastor Geziel Gomes
Apóstolo Renê Terra Nova
Pastor Samuel Ferreira

O Seminário Gospel oferece cursos livres de confissão religiosa cristã que são totalmente à distância, você estuda em casa, são livres de heresias e doutrinas antibiblicas, sem vinculo com o MEC, são monitorados por Igrejas, Pastores e Teólogos de Grandes Ministérios totalmente baseado na Santa Palavra de Deus, ao final você recebe DOCUMENTAÇÃO INTERNACIONAL valida no âmbito religioso.

Notícias de Cantores
Cantor Mattos Nascimento
Cantor Kleber Lucas
Cantora Ana Paula Valadão
Cantora Karen Martins
Cantora Nivea Soares
Ministério Renascer Praise
Cantora Lauriete
Cantora Bruna Karla
Cantora Shirley Carvalhaes
Cantora Alda Célia
Cantora Mara Lima
Cantora Elaine de Jesus
Ministério Diante do Trono
Cantora Cassiane
Cantora Eyshila
Cantora Ludmila Ferber
Cantor Regis Danese
Cantor Irmão Lázaro
Voz da Verdade
Cantora Rose Nascimento
Cantora Fernanda Brum
Cantora Damares
Cantor Marquinhos Gomes
Cantora Aline Barros
Cantora Lea Mendonça
Cantora Cristina Mel
Banda Oficina G3
Cantor Fernandinho
Cantora Andrea Fontes
Cantor André Valadão
Cantor Davi Sacer